Conheça o porto de cruzeiros marítimos em Amsterdã na Holanda

Vamos navegar pelos mares do planeta, aportar nos lugares mais exuberantes e famosos do mundo, sentir uma incrível sensação de liberdade ao mesmo tempo em que se surpreende com a cultura e os pontos turísticos oferecidos por diversos lugares e países. Essa não é a descrição da vida de um marinheiro, mas uma experiência vivida por pessoas que conhecem os principais portos de cruzeiro do mundo.

E gostaria de embarcar também em uma dessas viagens sensaciol? Então, para aumentar a sua vontade, elencaremos os portos mais prestigiados do mundo. Ao falar de cada um deles, revelaremos detalhes que farão você imaginar o que lhe espera ao fazer um  cruzeiros. Preparado? Então bora lá!

Em Amsterdã na Holanda

Bom podemos dizer que a cidade de Amsterdã, na Holanda é o um dos portos de cruzeiros mais peculiares na Europa. Essa cidade é cortada por vários canais que mais parecem ruas. Por isso, a melhor maneira de conhecer Amsterdã é a bordo de um barco com teto de vidro que seria similar a pegar de um táxi.

E sendo assim, é possível visualizar os antigos casarões e armazéns que guardavam muitas riquezas vindas do extremo oriente. E o outro ponto turístico e muito famoso é Margere Brug ou Skinny Bridge ,uma ponte que conecta as margens do rio em Kerkstraat.

Além disso em Amsterdã está localizada a casa de Anne Frank, na qual o visitantes tem a oportunidade de conhecer o quarto secreto .

Outras atração imperdível são as estátuas de cera do museu Madame Tussauds, que, assim como em outras partes do mundo, podem ser vistas também em Amsterdã. É impossível não se impressionar com réplicas tão vívidas de personalidades famosas de todo de todo mundo.

Quer entender como é o estilo de vida holandês? Então, vamos até o bairro Jordaan, um lugar cheio de pequenos prédios feitos de tijolinhos com janelas amplas e telhados triangulares. A tradicionalidade do Jordaan também é vista no estilo dos moradores, pois alguns ainda usam o klompen (tamanco de madeira), um ícone da culturas holandesa.

Seja a pé ou de bicicleta, o visitante encontrará muitas lojas de antiguidades, boutiques, galerias, cafés e outros lugares que são redutos frequentados por artistas populares. E lembra-se dos cinematográficos moinhos holandeses? Eles ficam lá em Zaanse Schans, e para chegar nesse lugar, basta pegar um trem na estação central de Amsterdã.

Já a gastronomia é um dos pontos altos de Amsterdã. Entre os pratos mais famosos estão o erwtensoep que é uma sopa de ervilhabem cremosa que leva salsicha e carne de porco. Há também o arenque, uma espécie de peixe muito comum na região entre os meses de maio e setembro, que é servido cru em salmoura e acompanhado com cebolas. muito bom.

E não podemos deixar de citar o stamppot, apesar do nome complicado, é um picadinho de batata e legumes. E, por fim, a tão querida torta de maça holandesa, feita com uvas e canelas, é um excelente pedido de sobremesa uma delicia..

Para conhecer bem a gastronomia holandesa tradicional é bom passar no mercado Foodhallen, que é como uma vitrine que tem stands dos melhores restaurantes na cidade. Sendo assim, o visitante tem a comodidade de experimentar várias comidas saborosas em um só lugar e evitar de ficar gastando muito..